NOTÍCIAS

19
MAR

Comer muito rápido engorda e faz mal para o coração

Você é daqueles que come tão rápido que precisa esperar – com certa dose de paciência – os colegas a sua volta terminarem o prato? Pois saiba que, perto deles, você tem maior probabilidade de ver a cintura inflar e o coração sofrer. Pelo menos é o que indica um estudo recém-apresentado em evento da prestigiada Associação Americana do Coração (AHA, na sigla em inglês).Para o trabalho, cientistas da Universidade Hiroshima, no Japão, recrutaram 642 homens e 441 mulheres de mais ou menos 51 anos. Em 2008, nenhum deles apresentava síndrome metabólica – conjunto de fatores que eleva o risco de doenças cardiovasculares, como hipertensão, diabetes e excesso de gordura ao redor do abdômen. Eles dividiram esse pessoal todo em três turmas, de acordo com a velocidade que... Leia Mais



Fonte: https://saude.abril.com.br/alimentacao/comer-rapido-engorda-coracao/
12
MAR

Gordura na barriga é mais perigosa para o coração das mulheres

O estudo a seguir não chama a atenção só pela proximidade com o Dia Internacional da Mulher ou por atrelar a obesidade ao infarto – algo já conhecido. O que os pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, fizeram foi determinar se o local onde a gordura é acumulada no corpo faz mesmo diferença do ponto de vista cardiovascular. E, acima disso, qual o impacto da ameaça no sexo feminino e no masculino.Então vamos por partes. Ao avaliar dados sobre a forma física e a saúde do coração de um grupo de 500 mil voluntários de 40 a 69 anos, os cientistas observaram que o aumento no peso, por si só, foi associado a uma probabilidade maior de infartar. Até aí, nada de novo.No entanto, esse risco subia quando o excesso de gordura ia parar na barriga. Estamos falando... Leia Mais



Fonte: https://goo.gl/Xww8JR
05
MAR

Dieta para a tireoide: a nova novela

Entra temporada, sai temporada, surgem alimentos “milagrosos” para fazer a glândula que dita o ritmo do corpo funcionar direito. Na maioria das vezes, porém, tais receitas não passam de ficção. A tireoide, pobrezinha, foi apontada durante anos como a vilã do excesso de peso. Após declarações de celebridades, todo mundo passou a crer que o hipotireoidismo, marcado pela queda na produção dos hormônios tireoidianos, levava ao ganho de barriga. Mas a ciência vem desmentir a acusação: o distúrbio gera um acréscimo de, no máximo, 5% no valor da balança.Segundo estudos recentes, o que acontece é exatamente o processo inverso: quem está acima do peso corre maior risco de ver a glândula em encrenca. “O aumento da gordura abdominal eleva a secreção de uma substância,... Leia Mais



Fonte: https://saude.abril.com.br/alimentacao/dieta-para-a-tireoide/
26
FEV

O que explica o número cada vez maior de mulheres diabéticas?

A incidência da doença é maior no sexo feminino A porcentagem de brasileiros com diabetes tem aumentado significativamente nos últimos anos. Ela passou de 5,5% em 2006 para 8,9% no ano passado. Os dados, da pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), mostram ainda que, atualmente, há mais mulheres acometidas pela doença do que homens.O cenário mundial, infelizmente, é semelhante – e até por isso justifica a escolha da Federação Internacional de Diabetes (IDF, na sigla em inglês) a escolher o impacto dessa doença no sexo feminino como tema do Dia Mundial do Diabetes de 2017.Por que a doença está mais comum entre elas?Se 7,8% dos homens brasileiros sofrem com o diabetes,... Leia Mais



Fonte: https://saude.abril.com.br/medicina/cada-vez-mais-mulheres-diabeticas/
19
FEV

O acido úrico vai muito além da gota

Quando se pensa em ácido úrico de sobra, logo vêm à mente problemas um tanto dolorosos. Primeiro a gota, aquela inflamação danada nas juntas. Depois as pedras nos rins – sim, uma porcentagem dos casos se deve ao acúmulo de cristais de ácido úrico por lá. Só que essa sobrecarga também está ligada a encrencas bem mais silenciosas, dessas que demoram anos a mostrar as caras. Embora a discussão exista há alguns anos, tem nova lenha na fogueira que associa o excesso de ácido úrico a doenças cardiovasculares.A ponto de uma análise conduzida por um time internacional de pesquisadores e publicada no European Journal of Internal Medicine questionar se a substância não teria um papel protagonista na... Leia Mais



Fonte: https://saude.abril.com.br/medicina/o-acido-urico-vai-muito-alem-da-gota/
12
FEV

Inchaço: saiba quais podem ser as causas

Sentir-se inchado pode ser resultado de diversos problemas, mas um dos mais comuns é a retenção de líquido, que pode ser entendida como um acúmulo excessivo de água entre as células. Segundo Ana Priscila Soggia, endocrinologista do Hospital Sírio-Libanês, esta retenção de líquido pode ser agravada no calor, já que é principalmente nesta condição que ocorre uma vasodilatação.“Muitas são as causas de retenção hídrica, como problemas hormonais relacionados à tireoide, problemas em órgãos como rim e coração, problemas relacionados ao tipo de alimentação…”, explica a endocrinologista. E ainda completa “outra causa muito frequente é a retenção hídrica que acontece durante a fase pré-menstrual”.A manifestação do inchaço nas pessoas pode ocorrer de... Leia Mais



Fonte: https://saude.abril.com.br/bem-estar/inchaco-saiba-quais-podem-ser-as-causas/
Doenças Hormonais e Metabolismo
Obesidade - Crescimento - Diabetes
Tireóide - Testes Hormonais
Facebook
Av Rio Branco, 4332 - 87501-130 - Umuarama/PR - (44) 3622-6393